O Livro

2 Samuel 5

David reina sobre Israel

(1 Cr 11.1-3)

1Representantes de todas as tribos de Israel vieram ter com David a Hebrom, oferecer-lhe a garantia da sua lealdade: “Somos do mesmo sangue que tu”, disseram. “Mesmo quando Saul era o rei, tu eras o nosso verdadeiro chefe. Foi a ti que o Senhor disse: ‘Serás o pastor do meu povo de Israel. Serás o seu rei.’ ” Então David fez uma aliança diante do Senhor com os anciãos de Israel ali em Hebrom e eles consagraram-no rei de Israel.

4-5 David era rei de Judá havia 7 anos e meio, desde a idade de 30 anos. Governou durante 33 anos em Jerusalém como soberano tanto de Israel como de Judá. Ao todo o seu reinado foi de 40 anos.

David conquista Jerusalém

(1 Cr 11.4-9; 14.1-2)

David decidiu levar as suas tropas até Jerusalém para combater os jebuseus que ali viviam. “Nunca entrarás aqui”, tinham-lhe dito. “Até os nossos cegos e coxos poderiam enfrentar-te!” Porque pensavam que estavam muito seguros. No entanto, David e os seus homens derrotaram-nos e capturaram a fortaleza de Sião, agora chamada Cidade de David.

Quando a mensagem insultuosa dos defensores da cidade chegou ao conhecimento de David, este dissera aos soldados: “Subam através do túnel de abastecimento de água à cidade e destruam esses tais cegos e coxos que eu aborreço.” E esta é a origem do ditado “Nem cego nem coxo entrará aqui!” David estabeleceu-se na fortaleza de Sião; por isso, passou a chamar-se Cidade de David. Começando no velho bairro da cidade chamado Milo, empreendeu uma série de construções, do norte em direção ao centro da cidade. 10 David tornou-se cada vez mais famoso e poderoso, porque o Senhor, o Deus dos exércitos, estava com ele.

11 O rei Hirão, de Tiro, enviou mensageiros a David e muita madeira de cedro, carpinteiros e pedreiros para a construção de um palácio para David. 12 David deu-se conta da razão por que o Senhor o tinha feito rei e tinha tornado o seu reino tão prestigiado: por amor ao seu povo.

Outros filhos de David

(1 Cr 3.5-8; 14.3-7)

13 Após se ter mudado de Hebrom para Jerusalém, David teve outras mulheres e concubinas, de quem teve muitos filhos e filhas. 14 São estes os que lhe nasceram em Jerusalém: Samua, Sobabe, Natã, Salomão, 15 Ibar, Elisua, Nefegue, Jafia, 16 Elisama, Eliada e Elifelete.

David derrota os filisteus

(1 Cr 14.8-17)

17 Quando os filisteus ouviram que David tinha sido consagrado rei de Israel, mobilizaram as suas forças e saíram para o capturar; ao tomar conhecimento, David refugiou-se na fortaleza. 18 Os filisteus chegaram e espalharam-se pelo vale de Refaim. 19 David perguntou ao Senhor: “Deverei sair e lutar contra eles? Entregá-los-ás nas minhas mãos?” E o Senhor respondeu: “Sim, podes avançar, porque hei de entregá-los.”

20 David atacou-os em Baal-Perazim e derrotou-os. E exclamou: “O Senhor abriu uma brecha como num dique para derrubar os meus inimigos diante de mim!” Por isso, chamou àquele lugar Baal-Perazim (Senhor das brechas). 21 Por essa altura, David e as suas tropas confiscaram muitos ídolos que os filisteus tinham abandonado.

22 Os filisteus tornaram a tomar posições de luta contra os israelitas e espalharam-se pelo vale de Refaim. 23 Quando David voltou a perguntar ao Senhor o que devia fazer, foi esta a resposta: “Desta vez não os ataques de frente. Vai por detrás e aparece-lhes por entre as amoreiras. 24 Quando ouvires um barulho como de gente marchando por de cima das copas das amoreiras, então ataca! Pois esse será o sinal de que o Senhor irá à tua frente e destruirá o exército dos filisteus.” 25 David fez segundo as instruções dadas pelo Senhor e destruiu os filisteus desde Geba a Gezer.