The Message

Deuteronomy 8

11-5 Keep and live out the entire commandment that I’m commanding you today so that you’ll live and prosper and enter and own the land that God promised to your ancestors. Remember every road that God led you on for those forty years in the wilderness, pushing you to your limits, testing you so that he would know what you were made of, whether you would keep his commandments or not. He put you through hard times. He made you go hungry. Then he fed you with manna, something neither you nor your parents knew anything about, so you would learn that men and women don’t live by bread only; we live by every word that comes from God’s mouth. Your clothes didn’t wear out and your feet didn’t blister those forty years. You learned deep in your heart that God disciplines you in the same ways a father disciplines his child.

6-9 So it’s paramount that you keep the commandments of God, your God, walk down the roads he shows you and reverently respect him. God is about to bring you into a good land, a land with brooks and rivers, springs and lakes, streams out of the hills and through the valleys. It’s a land of wheat and barley, of vines and figs and pomegranates, of olives, oil, and honey. It’s land where you’ll never go hungry—always food on the table and a roof over your head. It’s a land where you’ll get iron out of rocks and mine copper from the hills.

10 After a meal, satisfied, bless God, your God, for the good land he has given you.

11-16 Make sure you don’t forget God, your God, by not keeping his commandments, his rules and regulations that I command you today. Make sure that when you eat and are satisfied, build pleasant houses and settle in, see your herds and flocks flourish and more and more money come in, watch your standard of living going up and up—make sure you don’t become so full of yourself and your things that you forget God, your God,

the God who delivered you from Egyptian slavery;
the God who led you through that huge and fearsome wilderness,
those desolate, arid badlands crawling with fiery snakes and scorpions;
the God who gave you water gushing from hard rock;
the God who gave you manna to eat in the wilderness, something your ancestors had never heard of, in order to give you a taste of the hard life, to test you so that you would be prepared to live well in the days ahead of you.

17-18 If you start thinking to yourselves, “I did all this. And all by myself. I’m rich. It’s all mine!”—well, think again. Remember that God, your God, gave you the strength to produce all this wealth so as to confirm the covenant that he promised to your ancestors—as it is today.

19-20 If you forget, forget God, your God, and start taking up with other gods, serving and worshiping them, I’m on record right now as giving you firm warning: that will be the end of you; I mean it—destruction. You’ll go to your doom—the same as the nations God is destroying before you; doom because you wouldn’t obey the Voice of God, your God.

O Livro

Deuteronômio 8

Memória das bênçãos do Senhor

1“Obedeçam a todos os mandamentos que vos dou hoje. Se o fizerem, não só serão mantidos com vida, como até se hão­de multiplicar, e poderão entrar na terra que o Senhor prometeu aos vossos antepassados e conquistá­la. Vocês lembram­se como o Senhor vos conduziu através do deserto durante todos estes quarenta anos, humilhando­vos e experimentando­vos para saber o que estava no vosso coração, se sim ou não guardariam os seus mandamentos. Sim, ele humilhou­vos, deixando­vos ter fome e depois alimentando­vos como o maná, comida essa que nem vocês nem os vossos pais tinham conhecido antes. E fez isso para vos dar a entender que o comer não representa tudo na vida; a verdadeira vida vem das palavras de Deus. Por todos estes quarenta anos o vosso vestuário não se estragou, nem envelheceu; os vossos pés não empolaram nem incharam. Por isso terão de reconhecer que, tal como um homem castiga o seu filho, assim o Senhor vos castiga, para vosso bem.

6/10 Obedeçam às leis do Senhor vosso Deus. Andem nos seus caminhos e respeitem­no. Porque o Senhor vosso Deus vos traz para uma boa terra, com ribeiros, fontes e poços profundos, com vales e colinas. Uma terra de trigo e de cevada, de vinhas, de figueiras, de romãzeiras, de oliveiras e de mel; é uma terra de fartura onde não haverá escassez de coisa nenhuma; onde o ferro é tão abundante como a pedra e onde se encontra cobre nas colinas. Quando pois tiverem comido a fartar, agradeçam e louvem o Senhor vosso Deus pela boa terra que vos deu.

11 Mas é nessas alturas que deverão ser mais atentos! Tenham cuidado que a vossa abundância não vos faça esquecerem­se do Senhor vosso Deus, e virem a desobedecer­lhe. 12/18 Porque quando começarem a ficar cheios e prósperos, e se puserem a construir belas casas para habitarem, quando os vossos rebanhos e manadas se tiverem tornado muito grandes, quando tiverem abundância de prata e de ouro, então é tempo de ter muito cuidado, para não se tornarem orgulhosos, e não se esquecerem do Senhor que vos arrancou da servidão da terra do Egipto. Esforcem­se por nunca se esquecerem de Deus que vos levou através do terrível deserto, cheio de perigosas serpentes e de escorpiões, onde o calor ardia e a secura era tão grande que o Senhor teve de tirar­vos água de uma rocha! Alimentou­vos com o maná no deserto, o qual era uma espécie de pão que vocês nunca dantes tinham conhecido; e isso para que aprendessem a humildade, para vos pôr à prova e para que Deus vos fizesse prosperar no futuro. Ele agiu dessa maneira para que vocês se dessem bem conta de que não foi pelo vosso próprio poder e força que prosperaram. Lembrem­se de que foi o Senhor vosso Deus quem vos deu a possibilidade de enriquecerem, e que se o fez foi para cumprir a promessa que fizera aos vossos antepassados.

19/20 Contudo, se se esquecerem do Senhor vosso Deus e adorarem outros deuses, seguindo os vossos maus caminhos, então com toda a certeza hão­de perecer tal como ele fez com outras nações no passado. Esse será pois o vosso destino também, se não obedecerem ao Senhor vosso Deus.”