O Livro

Tito 1

1Esta carta é escrita por Paulo, servo de Deus e apóstolo de Jesus Cristo para trazer à fé aqueles que Deus escolheu, e para lhes dar a conhecer a verdade, que os conduz a uma vida conforme a vontade de Deus, e que faz nascer a esperança da vida eterna, a qual Deus, que não mente, prometeu desde os tempos de origem de tudo. E agora, no seu tempo próprio, essas boas novas foram dadas a conhecer através da pregação que me foi confiada por ordem de Deus nosso Salvador.

Esta carta é dirigida a Tito, que é para mim um verdadeiro filho espiritual, pois que lhe comuniquei a fé que nos é comum. A Tito desejo então que lhe sejam concedidas graça, misericórdia e paz da parte de Deus Pai e da do Senhor Jesus Cristo nosso Salvador.

A tarefa de Tito em Creta

Quando te deixei em Creta foi para que pusesses em ordem as questões que ficaram em suspenso, e que em cada localidade estabelecesses pastores, segundo as instruções que te tinha dado. Devem ser escolhidos homens irrepreensíveis, casados com uma só mulher, que os seus filhos sejam crentes e não tenham fama de dissolutos, nem de desobedientes. Convém, com efeito, que o pastor seja sem mancha, visto que é um responsável da casa de Deus. Não deve ser altivo, nem irritar­se facilmente; não deve ser dado a bebidas alcoólicas, nem meter­se em disputas violentas ou entregar­se à ganância e a especulações desonestas. Deve antes ser dado à hospitalidade, zeloso por tudo o que é bom. Deve ser equilibrado e justo, sabendo dominar os seus sentidos, e ter uma vida submetida à vontade de Deus. Que se mantenha firmemente apegado à palavra de Deus, tal como foi ensinado, para que se torne capaz de encorajar os outros pelo ensino da recta doutrina, e ao mesmo tempo convencer os que se opõem.

10 Porque há muitas pessoas rebeldes contra a verdadeira doutrina, gente que fala muito e consegue enganar as pessoas. Desse número fazem parte em especial os da circuncisão. 11 É preciso fazer calar essas pessoas, pois já perturbaram famílias inteiras, ensinando o erro, e isto levadas por um desonesto interesse por dinheiro. 12 Um deles, seu próprio profeta, disse: “Os cretenses foram sempre mentirosos; são como animais indolentes, vivendo só para encher a barriga”. 13 E isto é bem verdade. Portanto avisa severamente os crentes para que se mantenham sãos nas coisas da fé. 14 E que não dêem ouvidos às tradições fantasiosas judaicas, nem a exigências de homens que se desviam da verdade. 15 Uma pessoa cujo coração é puro tem todas as coisas por puras; mas para os corruptos e incrédulos, tudo é impuro, devido à impureza que têm nas mentes e na consciência 16 Dizem conhecer Deus, mas renegam­no pelas obras que praticam. São criaturas detestáveis e desobedientes, que por isso mesmo se tornam incapazes de fazer seja o que for de bom.

Nova Versão Internacional

Tito 1

1Paulo, servo[a] de Deus e apóstolo de Jesus Cristo para levar os eleitos de Deus à fé e ao conhecimento da verdade que conduz à piedade; fé e conhecimento que se fundamentam na esperança da vida eterna, a qual o Deus que não mente prometeu antes dos tempos eternos. No devido tempo, ele trouxe à luz a sua palavra, por meio da pregação a mim confiada por ordem de Deus, nosso Salvador,

a Tito, meu verdadeiro filho em nossa fé comum:

Graça e paz[b] da parte de Deus Pai e de Cristo Jesus, nosso Salvador.

A Tarefa de Tito em Creta

A razão de tê-lo deixado em Creta foi para que você pusesse em ordem o que ainda faltava e constituísse[c] presbíteros em cada cidade, como eu o instruí. É preciso que o presbítero seja irrepreensível, marido de uma só mulher e tenha filhos crentes que não sejam acusados de libertinagem ou de insubmissão. Por ser encarregado da obra de Deus, é necessário que o bispo[d] seja irrepreensível: não orgulhoso, não briguento, não apegado ao vinho, não violento, nem ávido por lucro desonesto. Ao contrário, é preciso que ele seja hospitaleiro, amigo do bem, sensato, justo, consagrado, tenha domínio próprio e apegue-se firmemente à mensagem fiel, da maneira como foi ensinada, para que seja capaz de encorajar outros pela sã doutrina e de refutar os que se opõem a ela.

10 Pois há muitos insubordinados, que não passam de faladores e enganadores, especialmente os do grupo da circuncisão. 11 É necessário que eles sejam silenciados, pois estão arruinando famílias inteiras, ensinando coisas que não devem, e tudo por ganância. 12 Um dos seus próprios profetas chegou a dizer: “Cretenses, sempre mentirosos, feras malignas, glutões preguiçosos”. 13 Tal testemunho é verdadeiro. Portanto, repreenda-os severamente, para que sejam sadios na fé 14 e não dêem atenção a lendas judaicas nem a mandamentos de homens que rejeitam a verdade. 15 Para os puros, todas as coisas são puras; mas para os impuros e descrentes, nada é puro. De fato, tanto a mente como a consciência deles estão corrompidas. 16 Eles afirmam que conhecem a Deus, mas por seus atos o negam; são detestáveis, desobedientes e desqualificados para qualquer boa obra.

Notas al pie

  1. 1.1 Isto é, escravo.
  2. 1.4 Muitos manuscritos dizem Graça, misericórdia e paz.
  3. 1.5 Ou ordenasse
  4. 1.7 Grego: epíscopo. Palavra que descreve a pessoa que exerce função pastoral.