O Livro

Provérbios 28:1-28

1Quem é mau foge, mesmo sem que ninguém o persiga;

as pessoas justas são confiantes, tal como os filhotes do leão.

2Numa nação em que a maldade se multiplica, muitos aparecem para dirigi-la,

mas só com chefes honestos e experimentados haverá estabilidade.

3Um homem pobre que oprime os mais pobres é como uma enxurrada;

não fica migalha de pão para ninguém.

4Desprezar a Lei é como que favorecer a maldade;

obedecer-lhe é levantar uma barreira ao mal.

5Os maus não entendem nada da verdadeira justiça,

mas os que buscam o Senhor compreendem todas as coisas.

6Melhor é o pobre que se mantém íntegro,

do que rico, e ter uma conduta condenável.

7Um jovem com entendimento guarda os princípios que regem uma vida reta;

os que andam na companhia de gente corrompida,

tornam-se uma vergonha para os seus pais.

8Os lucros conseguidos pela exploração dos outros, através da avareza e usura,

acabarão por vir parar às mãos dos que defendem os que foram explorados.

9Aquele que faz ouvidos surdos às exigências da Lei,

torna as suas orações detestáveis.

10Aquele que faz com que os retos se desviem para um mau caminho

será condenado por aquilo mesmo em que fez pecar os outros;

as pessoas honestas nunca deixarão de ser recompensadas.

11Os ricos, em geral, consideram-se muito espertos aos seus próprios olhos,

mas as pessoas humildes, que conhecem bem a vida, sabem desmascará-los.

12Quando os justos triunfam há grande alegria;

quando é gente perversa que sobe na vida,

cada um procura esconder-se para abrigar-se.

13Quem esconde os seus pecados nunca prosperará,

mas quem os confessa e os abandona será perdoado.

14Feliz é aquele que teme Deus;

os obstinados nunca serão felizes.

15Um ditador corrupto, que domina um povo miserável, é como um leão rugindo,

como um urso feroz, atacando esfaimado e enraivecido.

16Só um chefe de estado louco oprime o seu povo;

se rejeitar a corrupção, verá prolongar-se o seu tempo de chefia.

17A consciência manchada dum assassino acompanhá-lo-á até ao inferno;

que ninguém o detenha!

18Os que vivem com retidão estarão sempre seguros;

os fraudulentos serão castigados infalivelmente.

19O que cultiva a sua terra, terá pão em abundância,

mas o ocioso fartar-se-á de miséria.

20As pessoas leais serão cumuladas de bênçãos;

aqueles que querem enriquecer rapidamente, rapidamente cairão no fracasso.

21A parcialidade é coisa condenável;

até pelo pão para a boca, as pessoas são capazes de cometer injustiças.

22Correr atrás de riquezas fáceis é errado

e não pode deixar de levar à miséria.

23Quem corrige alguém, encontra depois mais gratidão

do que aquele que só lisonjeia.

24Quem defrauda os seus pais e ainda diz: “Não tem importância!”,

identifica-se com um destruidor.

25O ambicioso é um constante provocador de contendas;

só o confiar no Senhor pode dar prosperidade.

26Quem confia em si mesmo é um insensato;

quem sabe conduzir-se de acordo com a sabedoria, andará seguro.

27Quem reparte com os pobres não sofrerá necessidades;

os que fingem ignorar os que vivem na miséria cobrir-se-ão de maldições.

28Quando gente perversa consegue subir na vida, as populações fogem a esconder-se;

quando eles são castigados e desaparecem, então multiplicam-se os retos.

King James Version

Proverbs 28:1-28

1The wicked flee when no man pursueth: but the righteous are bold as a lion. 2For the transgression of a land many are the princes thereof: but by a man of understanding and knowledge the state thereof shall be prolonged.28.2 by…: or, by men of understanding and wisdom shall they likewise be prolonged 3A poor man that oppresseth the poor is like a sweeping rain which leaveth no food.28.3 which…: Heb. without food 4They that forsake the law praise the wicked: but such as keep the law contend with them. 5Evil men understand not judgment: but they that seek the LORD understand all things. 6Better is the poor that walketh in his uprightness, than he that is perverse in his ways, though he be rich. 7Whoso keepeth the law is a wise son: but he that is a companion of riotous men shameth his father.28.7 is a companion…: or, feedeth gluttons 8He that by usury and unjust gain increaseth his substance, he shall gather it for him that will pity the poor.28.8 unjust…: Heb. by increase 9He that turneth away his ear from hearing the law, even his prayer shall be abomination. 10Whoso causeth the righteous to go astray in an evil way, he shall fall himself into his own pit: but the upright shall have good things in possession. 11The rich man is wise in his own conceit; but the poor that hath understanding searcheth him out.28.11 own…: Heb. eyes 12When righteous men do rejoice, there is great glory: but when the wicked rise, a man is hidden.28.12 hidden: or, sought for 13He that covereth his sins shall not prosper: but whoso confesseth and forsaketh them shall have mercy. 14Happy is the man that feareth alway: but he that hardeneth his heart shall fall into mischief. 15As a roaring lion, and a ranging bear; so is a wicked ruler over the poor people. 16The prince that wanteth understanding is also a great oppressor: but he that hateth covetousness shall prolong his days. 17A man that doeth violence to the blood of any person shall flee to the pit; let no man stay him. 18Whoso walketh uprightly shall be saved: but he that is perverse in his ways shall fall at once. 19He that tilleth his land shall have plenty of bread: but he that followeth after vain persons shall have poverty enough. 20A faithful man shall abound with blessings: but he that maketh haste to be rich shall not be innocent.28.20 innocent: or, unpunished 21To have respect of persons is not good: for for a piece of bread that man will transgress. 22He that hasteth to be rich hath an evil eye, and considereth not that poverty shall come upon him.28.22 hasteth…: or, hath and evil eye hasteth to be rich 23He that rebuketh a man afterwards shall find more favour than he that flattereth with the tongue. 24Whoso robbeth his father or his mother, and saith, It is no transgression; the same is the companion of a destroyer.28.24 a destroyer: Heb. a man destroying 25He that is of a proud heart stirreth up strife: but he that putteth his trust in the LORD shall be made fat. 26He that trusteth in his own heart is a fool: but whoso walketh wisely, he shall be delivered. 27He that giveth unto the poor shall not lack: but he that hideth his eyes shall have many a curse. 28When the wicked rise, men hide themselves: but when they perish, the righteous increase.