New International Version - UK

Psalm 91

Psalm 91

Whoever dwells in the shelter of the Most High
    will rest in the shadow of the Almighty.[a]
I will say of the Lord, ‘He is my refuge and my fortress,
    my God, in whom I trust.’

Surely he will save you
    from the fowler’s snare
    and from the deadly pestilence.
He will cover you with his feathers,
    and under his wings you will find refuge;
    his faithfulness will be your shield and rampart.
You will not fear the terror of night,
    nor the arrow that flies by day,
nor the pestilence that stalks in the darkness,
    nor the plague that destroys at midday.
A thousand may fall at your side,
    ten thousand at your right hand,
    but it will not come near you.
You will only observe with your eyes
    and see the punishment of the wicked.

If you say, ‘The Lord is my refuge,’
    and you make the Most High your dwelling,
10 no harm will overtake you,
    no disaster will come near your tent.
11 For he will command his angels concerning you
    to guard you in all your ways;
12 they will lift you up in their hands,
    so that you will not strike your foot against a stone.
13 You will tread on the lion and the cobra;
    you will trample the great lion and the serpent.

14 ‘Because he[b] loves me,’ says the Lord, ‘I will rescue him;
    I will protect him, for he acknowledges my name.
15 He will call on me, and I will answer him;
    I will be with him in trouble,
    I will deliver him and honour him.
16 With long life I will satisfy him
    and show him my salvation.’

Notas al pie

  1. Psalm 91:1 Hebrew Shaddai
  2. Psalm 91:14 That is, probably the king

Nova Versão Internacional

Salmos 91

Salmo 91

Aquele que habita no abrigo do Altíssimo
e descansa à sombra do Todo-poderoso
pode dizer ao[a] Senhor:
“Tu és o meu refúgio e a minha fortaleza,
    o meu Deus, em quem confio”.

Ele o livrará do laço do caçador
    e do veneno mortal[b].
Ele o cobrirá com as suas penas,
    e sob as suas asas você encontrará refúgio;
a fidelidade dele será o seu escudo protetor.
Você não temerá o pavor da noite,
    nem a flecha que voa de dia,
nem a peste que se move sorrateira
    nas trevas,
    nem a praga que devasta ao meio-dia.
Mil poderão cair ao seu lado,
dez mil à sua direita,
    mas nada o atingirá.
Você simplesmente olhará,
e verá o castigo dos ímpios.

Se você fizer do Altíssimo o seu abrigo,
do Senhor o seu refúgio,
10 nenhum mal o atingirá,
desgraça alguma chegará à sua tenda.
11 Porque a seus anjos ele dará ordens
    a seu respeito,
para que o protejam em todos
    os seus caminhos;
12 com as mãos eles o segurarão,
para que você não tropece em alguma pedra.
13 Você pisará o leão e a cobra;
pisoteará o leão forte e a serpente.

14 “Porque ele me ama, eu o resgatarei;
eu o protegerei, pois conhece o meu nome.
15 Ele clamará a mim, e eu lhe darei resposta,
e na adversidade estarei com ele;
vou livrá-lo e cobri-lo de honra.
16 Vida longa eu lhe darei,
    e lhe mostrarei a minha salvação.”

Notas al pie

  1. 91.2 Conforme a Septuaginta. O Texto Massorético diz Direi do.
  2. 91.3 Ou da praga mortal; ou ainda da ameaça de destruição