New International Version

Proverbs 17

1Better a dry crust with peace and quiet
    than a house full of feasting, with strife.

A prudent servant will rule over a disgraceful son
    and will share the inheritance as one of the family.

The crucible for silver and the furnace for gold,
    but the Lord tests the heart.

A wicked person listens to deceitful lips;
    a liar pays attention to a destructive tongue.

Whoever mocks the poor shows contempt for their Maker;
    whoever gloats over disaster will not go unpunished.

Children’s children are a crown to the aged,
    and parents are the pride of their children.

Eloquent lips are unsuited to a godless fool—
    how much worse lying lips to a ruler!

A bribe is seen as a charm by the one who gives it;
    they think success will come at every turn.

Whoever would foster love covers over an offense,
    but whoever repeats the matter separates close friends.

10 A rebuke impresses a discerning person
    more than a hundred lashes a fool.

11 Evildoers foster rebellion against God;
    the messenger of death will be sent against them.

12 Better to meet a bear robbed of her cubs
    than a fool bent on folly.

13 Evil will never leave the house
    of one who pays back evil for good.

14 Starting a quarrel is like breaching a dam;
    so drop the matter before a dispute breaks out.

15 Acquitting the guilty and condemning the innocent—
    the Lord detests them both.

16 Why should fools have money in hand to buy wisdom,
    when they are not able to understand it?

17 A friend loves at all times,
    and a brother is born for a time of adversity.

18 One who has no sense shakes hands in pledge
    and puts up security for a neighbor.

19 Whoever loves a quarrel loves sin;
    whoever builds a high gate invites destruction.

20 One whose heart is corrupt does not prosper;
    one whose tongue is perverse falls into trouble.

21 To have a fool for a child brings grief;
    there is no joy for the parent of a godless fool.

22 A cheerful heart is good medicine,
    but a crushed spirit dries up the bones.

23 The wicked accept bribes in secret
    to pervert the course of justice.

24 A discerning person keeps wisdom in view,
    but a fool’s eyes wander to the ends of the earth.

25 A foolish son brings grief to his father
    and bitterness to the mother who bore him.

26 If imposing a fine on the innocent is not good,
    surely to flog honest officials is not right.

27 The one who has knowledge uses words with restraint,
    and whoever has understanding is even-tempered.

28 Even fools are thought wise if they keep silent,
    and discerning if they hold their tongues.

Nova Versão Internacional

Provérbios 17

1Melhor é um pedaço de pão seco
    com paz e tranqüilidade
do que uma casa onde há banquetes[a],
    e muitas brigas.

O servo sábio dominará sobre
    o filho de conduta vergonhosa,
e participará da herança
    como um dos irmãos.

O crisol é para a prata
    e o forno é para o ouro,
mas o Senhor prova o coração.

O ímpio dá atenção aos lábios maus;
o mentiroso dá ouvidos
    à língua destruidora.

Quem zomba dos pobres
    mostra desprezo pelo Criador deles;
quem se alegra com a desgraça
    não ficará sem castigo.

Os filhos dos filhos
    são uma coroa para os idosos,
e os pais são o orgulho dos seus filhos.

Os lábios arrogantes[b]
    não ficam bem ao insensato;
muito menos os lábios mentirosos
    ao governante!

O suborno é um recurso fascinante
    para aquele que o oferece;
aonde quer que vá, ele tem sucesso.

Aquele que cobre uma ofensa
    promove amor,
mas quem a lança em rosto
    separa bons amigos.

10 A repreensão faz marca mais profunda
    no homem de entendimento
do que cem açoites no tolo.

11 O homem mau só pende para a rebeldia;
por isso um oficial impiedoso
    será enviado contra ele.

12 Melhor é encontrar uma ursa
    da qual roubaram os filhotes
do que um tolo em sua insensatez.

13 Quem retribui o bem com o mal,
    jamais deixará de ter mal no seu lar.

14 Começar uma discussão
    é como abrir brecha num dique;
por isso resolva a questão
    antes que surja a contenda.

15 Absolver o ímpio e condenar o justo
    são coisas que o Senhor odeia.

16 De que serve o dinheiro na mão do tolo,
    já que ele não quer obter sabedoria?

17 O amigo ama em todos os momentos;
é um irmão na adversidade.

18 O homem sem juízo
    com um aperto de mãos se compromete
e se torna fiador do seu próximo.

19 Quem ama a discussão ama o pecado;
quem constrói portas altas[c]
    está procurando a sua ruína.

20 O homem de coração perverso
    não prospera,
e o de língua enganosa cai na desgraça.

21 O filho tolo só dá tristeza,
e nenhuma alegria tem o pai do insensato.

22 O coração bem disposto
    é remédio eficiente,
mas o espírito oprimido resseca os ossos.

23 O ímpio aceita às escondidas o suborno
    para desviar o curso da justiça.

24 O homem de discernimento
    mantém a sabedoria em vista,
mas os olhos do tolo vagueiam
    até os confins da terra.

25 O filho tolo é a tristeza do seu pai
e a amargura daquela que o deu à luz.

26 Não é bom castigar o inocente,
nem açoitar quem merece ser honrado.

27 Quem tem conhecimento
    é comedido no falar,
e quem tem entendimento
    é de espírito sereno.

28 Até o insensato passará por sábio,
    se ficar quieto,
e, se contiver a língua,
    parecerá que tem discernimento.

Notas al pie

  1. 17.1 Hebraico: sacrifícios.
  2. 17.7 Ou eloqüentes
  3. 17.19 Ou quem se orgulha