New International Version

Hebrews 5

1Every high priest is selected from among the people and is appointed to represent the people in matters related to God, to offer gifts and sacrifices for sins. He is able to deal gently with those who are ignorant and are going astray, since he himself is subject to weakness. This is why he has to offer sacrifices for his own sins, as well as for the sins of the people. And no one takes this honor on himself, but he receives it when called by God, just as Aaron was.

In the same way, Christ did not take on himself the glory of becoming a high priest. But God said to him,

“You are my Son;
    today I have become your Father.”[a]

And he says in another place,

“You are a priest forever,
    in the order of Melchizedek.”[b]

During the days of Jesus’ life on earth, he offered up prayers and petitions with fervent cries and tears to the one who could save him from death, and he was heard because of his reverent submission. Son though he was, he learned obedience from what he suffered and, once made perfect, he became the source of eternal salvation for all who obey him 10 and was designated by God to be high priest in the order of Melchizedek.

Warning Against Falling Away

11 We have much to say about this, but it is hard to make it clear to you because you no longer try to understand. 12 In fact, though by this time you ought to be teachers, you need someone to teach you the elementary truths of God’s word all over again. You need milk, not solid food! 13 Anyone who lives on milk, being still an infant, is not acquainted with the teaching about righteousness. 14 But solid food is for the mature, who by constant use have trained themselves to distinguish good from evil.

Notas al pie

  1. Hebrews 5:5 Psalm 2:7
  2. Hebrews 5:6 Psalm 110:4

O Livro

Hebreus 5

11/2 O supremo sacerdote é um homem como qualquer outro, mas constituído para representar os homens nas suas relações com Deus. Por isso ele apresenta as ofertas a Deus e oferece sacrifícios pelos pecados, tanto do povo, como os seus próprios também. E como ele mesmo está sujeito à fraqueza humana, pode tratar com toda a bondade os outros que pecam, seja por ignorância, seja por desobediência.

E ninguém se torna sumo sacerdote somente porque deseja tal honra. Tem de ser chamado por Deus, tal como Arão. Assim Cristo, da mesma maneira, não se honrou a si próprio como supremo sacerdote, mas foi Deus quem o instituiu nessa dignidade, dizendo­lhe:

“Tu és o meu Filho.
Hoje tornei­me teu Pai”.

E lemos ainda noutro lugar.

“Tu és sacerdote para sempre,
    à semelhança de Melquisedeque”.

Cristo, enquanto ainda estava na Terra, numa agonia de alma, apresentou orações e súplicas a Deus, que o poderia ter livrado daquela morte. E Deus ouviu­o, atendendo à sua submissão. Vemos portanto que Jesus, ainda que sendo o Filho, ele próprio experimentou o que era a obediência por aquilo que padeceu. E foi assim que ficou perfeito o que ele cumpriu e que oferece a salvação eterna àqueles que lhe obedecem. 10 Deus mesmo o reconhece como supremo sacerdote à semelhança de Melquisedeque.

Uma chamada ao crescimento espiritual

11 Muito mais teríamos a dizer sobre isso; contudo não é fácil explicar­vos essas coisas, pois que vocês se têm tornado preguiçosos para as compreender. 12 Porque ao tempo que são cristãos deviam até poder já ensinar outros. Mas ao contrário precisam de quem vos ensine as primeiras coisas da revelação de Deus. Vocês fizeram­se como criancinhas que só podem beber leite, e não alimento sólido. 13 Ora, quando uma pessoa ainda se alimenta só de leite, é como um bebé e ainda não está capaz de ter experiência de coisas que a justiça de Deus exige. 14 Mas o alimento sólido é para os que adquiriram maturidade, e que em resultado do exercício das suas faculdades são capazes de distinguir o bem do mal.