New International Reader's Version

Psalm 50

Psalm 50

A psalm of Asaph.

The Mighty One, God, the Lord, speaks.
    He calls out to the earth
from the sunrise in the east
    to the sunset in the west.
From Zion, perfect and beautiful,
    God’s glory shines out.
Our God comes, and he won’t be silent.
    A burning fire goes ahead of him.
    A terrible storm is all around him.
He calls out to heaven and earth to be his witnesses.
    Then he judges his people.
He says, “Gather this holy people around me.
    They made a covenant with me by offering a sacrifice.”
The heavens announce that what God decides is right.
    That’s because he is a God of justice.

God says, “Listen, my people, and I will speak.
    I will be a witness against you, Israel.
    I am God, your God.
I don’t bring charges against you because of your sacrifices.
    I don’t bring charges because of the burnt offerings you always bring me.
I don’t need a bull from your barn.
    I don’t need goats from your pens.
10 Every animal in the forest already belongs to me.
    And so do the cattle on a thousand hills.
11 I own every bird in the mountains.
    The insects in the fields belong to me.
12 If I were hungry, I wouldn’t tell you.
    The world belongs to me. And so does everything in it.
13 Do I eat the meat of bulls?
    Do I drink the blood of goats?
14 Bring me thank offerings, because I am your God.
    Carry out the promises you made to me, because I am the Most High God.
15 Call out to me when trouble comes.
    I will save you. And you will honor me.”

16 But here is what God says to a sinful person.

“What right do you have to speak the words of my laws?
    How dare you speak the words of my covenant!
17 You hate my teaching.
    You turn your back on what I say.
18 When you see a thief, you join him.
    You make friends with those who commit adultery.
19 You use your mouth to speak evil.
    You use your tongue to spread lies.
20 You are a witness against your brother.
    You always tell lies about your own mother’s son.
21 When you did these things, I kept silent.
    So you thought I was just like you.
But now I’m going to bring you to court.
    I will bring charges against you.

22 “You who forget God, think about this.
    If you don’t, I will tear you to pieces.
    No one will be able to save you.
23 People who sacrifice thank offerings to me honor me.
    To those who are without blame I will show my power to save.”

O Livro

Salmos 50

Salmo de Asafe.

1O Deus poderoso, o Senhor, convocou toda a humanidade,
    desde o Oriente até ao Ocidente!
A luz gloriosa de Deus
    brilha desde o seu belo templo no Monte Sião.
Ele vem com o estrondo do trovão,
    rodeado de um fogo destruidor.
Uma grande tempestade ruge ao seu redor.
Pois veio julgar o seu povo.
Então clama ao céu e à Terra:
“Que o meu povo se junte,
    todos os que, por meio de um sacrifício,
    fizeram comigo uma aliança”.
Deus os julgará como perfeito juiz que é.
Os céus inteiros são testemunha da sua justiça.

Escuta-me, meu povo! Pois sou o teu Deus! Ouve-me!
    Estas são as coisas que tenho contra ti:
Não tenho nada a dizer a respeito dos sacrifícios
    que me trazem sobre o altar,
    pois isso fazem vocês com regularidade.
Mas não são sacrifícios de animais
    o que eu realmente quero da vossa parte.
10 Porque afinal meu é todo o animal,
    tanto dos campos como das florestas.
11 Pertence-me todo o gado que pasta nas montanhas.
Conheço bem, porque são minhas,
    as aves todas que voam sobre a terra.
12 Se eu tivesse fome não to diria?
O mundo pertence-me,
    e tudo o que nele existe.
13 Não, eu não preciso dos sacrifícios de carne
    e de sangue de animais que vocês me oferecem.
14 O que eu pretendo de vocês é uma verdadeira gratidão,
    e que cumpram as vossas promessas.
15 Confiem em mim nas horas de aflição,
    e eu vos livrarei
    e vocês me honrarão e me louvarão.

16 Porém, aos homens sem Deus, diz o Senhor:
“Que tens tu que recitar as minhas leis
    e que fazer apelo às minhas promessas,
    ao meu pacto com o meu povo?
17 Pois vocês recusam a minha disciplina,
    desrespeitam as minhas leis.
18 Quando vêem um ladrão, protegem-no e ajudam-no.
Gastam o vosso tempo com gente má e sem moral.
19 Quando falam é só para praguejar e mentir,
    numa linguagem imprópria.
20 Falam mal de toda a gente, até do próprio irmão.
21 Tudo isso fazem e eu tenho-me calado.
Pensam que eu não me importo com essas coisas.
Mas agora chegou o tempo de vos castigar,
    de vos pôr diante dos olhos tudo aquilo de que vos acuso.

22 Ouçam então, vocês que se esquecem de Deus,
    e antes que vos destrua inteiramente
    sem que ninguém vos possa ajudar.
23 Aquele que louva com verdade, com sinceridade,
    faz um valioso sacrifício.
Os que ordenam as suas vidas rectamente no meu caminho
    receberão a salvação do Senhor.