The Message

Psalm 48

A Psalm of the Sons of Korah

11-3 God majestic,
    praise abounds in our God-city!
His sacred mountain,
    breathtaking in its heights—earth’s joy.
Zion Mountain looms in the North,
    city of the world-King.
God in his citadel peaks
    impregnable.

4-6 The kings got together,
    they united and came.
They took one look and shook their heads,
    they scattered and ran away.
They doubled up in pain
    like a woman having a baby.

7-8 You smashed the ships of Tarshish
    with a storm out of the East.
We heard about it, then we saw it
    with our eyes—
In God’s city of Angel Armies,
    in the city our God
Set on firm foundations,
    firm forever.

9-10 We pondered your love-in-action, God,
    waiting in your temple:
Your name, God, evokes a train
    of Hallelujahs wherever
It is spoken, near and far;
    your arms are heaped with goodness-in-action.

11 Be glad, Zion Mountain;
    Dance, Judah’s daughters!
    He does what he said he’d do!

12-14 Circle Zion, take her measure,
    count her fortress peaks,
Gaze long at her sloping bulwark,
    climb her citadel heights—
Then you can tell the next generation
    detail by detail the story of God,
Our God forever,
    who guides us till the end of time.

Nova Versão Internacional

Salmos 48

Salmo 48

Um cântico. Salmo dos coraítas.

Grande é o Senhor,
    e digno de todo louvor
na cidade do nosso Deus.
Seu santo monte, belo e majestoso,
    é a alegria de toda a terra.
Como as alturas do Zafom[a] é o monte Sião,
a cidade do grande Rei.
Nas suas cidadelas
    Deus se revela como sua proteção.

Vejam! Os reis somaram forças,
e juntos avançaram contra ela.
Quando a viram, ficaram atônitos,
fugiram aterrorizados.
Ali mesmo o pavor os dominou;
contorceram-se como a mulher no parto.
Foste como o vento oriental
    quando destruiu os navios de Társis.

Como já temos ouvido,
    agora também temos visto
na cidade do Senhor dos Exércitos,
    na cidade de nosso Deus:
Deus a preserva firme para sempre.Pausa

No teu templo, ó Deus,
    meditamos em teu amor leal.
10 Como o teu nome, ó Deus,
    o teu louvor alcança os confins da terra;
a tua mão direita está cheia de justiça.
11 O monte Sião se alegra,
as cidades[b] de Judá exultam
por causa das tuas decisões justas.

12 Percorram Sião, contornando-a,
contem as suas torres,
13 observem bem as suas muralhas,
examinem as suas cidadelas,
para que vocês falem à próxima geração
14 que este Deus é o nosso Deus
    para todo o sempre;
ele será o nosso guia até o fim[c].

Notas al pie

  1. 48.2 Zafom refere-se ou a um monte sagrado ou à direção norte.
  2. 48.11 Hebraico: filhas.
  3. 48.14 Ou até à morte