King James Version

Psalm 145

1I will extol thee, my God, O king; and I will bless thy name for ever and ever.

Every day will I bless thee; and I will praise thy name for ever and ever.

Great is the Lord, and greatly to be praised; and his greatness is unsearchable.

One generation shall praise thy works to another, and shall declare thy mighty acts.

I will speak of the glorious honour of thy majesty, and of thy wondrous works.

And men shall speak of the might of thy terrible acts: and I will declare thy greatness.

They shall abundantly utter the memory of thy great goodness, and shall sing of thy righteousness.

The Lord is gracious, and full of compassion; slow to anger, and of great mercy.

The Lord is good to all: and his tender mercies are over all his works.

10 All thy works shall praise thee, O Lord; and thy saints shall bless thee.

11 They shall speak of the glory of thy kingdom, and talk of thy power;

12 To make known to the sons of men his mighty acts, and the glorious majesty of his kingdom.

13 Thy kingdom is an everlasting kingdom, and thy dominion endureth throughout all generations.

14 The Lord upholdeth all that fall, and raiseth up all those that be bowed down.

15 The eyes of all wait upon thee; and thou givest them their meat in due season.

16 Thou openest thine hand, and satisfiest the desire of every living thing.

17 The Lord is righteous in all his ways, and holy in all his works.

18 The Lord is nigh unto all them that call upon him, to all that call upon him in truth.

19 He will fulfil the desire of them that fear him: he also will hear their cry, and will save them.

20 The Lord preserveth all them that love him: but all the wicked will he destroy.

21 My mouth shall speak the praise of the Lord: and let all flesh bless his holy name for ever and ever.

Nova Versão Internacional

Salmos 145

Salmo 145[a]

Um cântico de louvor. Davídico.

Eu te exaltarei, meu Deus e meu rei;
bendirei o teu nome para todo o sempre!
Todos os dias te bendirei
e louvarei o teu nome para todo o sempre!
Grande é o Senhor e digno de ser louvado;
sua grandeza não tem limites.

Uma geração contará à outra
    a grandiosidade dos teus feitos;
eles anunciarão os teus atos poderosos.
Proclamarão o glorioso esplendor
    da tua majestade,
e meditarei nas maravilhas que fazes.[b]
Anunciarão o poder dos teus feitos temíveis,
e eu falarei das tuas grandes obras.
Comemorarão a tua imensa bondade
e celebrarão a tua justiça.

O Senhor é misericordioso e compassivo,
paciente e transbordante de amor.
O Senhor é bom para todos;
a sua compaixão alcança
    todas as suas criaturas.
10 Rendam-te graças todas as tuas criaturas, Senhor,
e os teus fiéis te bendigam.
11 Eles anunciarão a glória do teu reino
e falarão do teu poder,
12 para que todos saibam
    dos teus feitos poderosos
e do glorioso esplendor do teu reino.
13 O teu reino é reino eterno,
e o teu domínio permanece
    de geração em geração.

O Senhor é fiel em todas as suas promessas
e é bondoso em tudo o que faz.[c]
14 O Senhor ampara todos os que caem
e levanta todos os que estão prostrados.
15 Os olhos de todos estão voltados para ti,
e tu lhes dás o alimento no devido tempo.
16 Abres a tua mão e satisfazes os desejos
    de todos os seres vivos.

17 O Senhor é justo
    em todos os seus caminhos
e é bondoso em tudo o que faz.
18 O Senhor está perto
    de todos os que o invocam,
de todos os que o invocam com sinceridade.
19 Ele realiza os desejos daqueles que o temem;
ouve-os gritar por socorro e os salva.
20 O Senhor cuida de todos os que o amam,
mas a todos os ímpios destruirá.

21 Com meus lábios louvarei o Senhor.
Que todo ser vivo bendiga o seu santo nome
    para todo o sempre!

Notas al pie

  1. Salmos 145:1 O salmo 145 é um poema organizado em ordem alfabética, no hebraico.
  2. 145.5 Conforme os manuscritos do mar Morto e a Versão Siríaca. O Texto Massorético diz Meditarei no glorioso esplendor da tua majestade e nas tuas obras maravilhosas.
  3. 145.13 Conforme um manuscrito do Texto Massorético, os manuscritos do mar Morto e a Versão Siríaca. A maioria dos manuscritos do Texto Massorético não traz as duas últimas linhas desse versículo.