King James Version

Proverbs 20

1Wine is a mocker, strong drink is raging: and whosoever is deceived thereby is not wise.

The fear of a king is as the roaring of a lion: whoso provoketh him to anger sinneth against his own soul.

It is an honour for a man to cease from strife: but every fool will be meddling.

The sluggard will not plow by reason of the cold; therefore shall he beg in harvest, and have nothing.

Counsel in the heart of man is like deep water; but a man of understanding will draw it out.

Most men will proclaim every one his own goodness: but a faithful man who can find?

The just man walketh in his integrity: his children are blessed after him.

A king that sitteth in the throne of judgment scattereth away all evil with his eyes.

Who can say, I have made my heart clean, I am pure from my sin?

10 Divers weights, and divers measures, both of them are alike abomination to the Lord.

11 Even a child is known by his doings, whether his work be pure, and whether it be right.

12 The hearing ear, and the seeing eye, the Lord hath made even both of them.

13 Love not sleep, lest thou come to poverty; open thine eyes, and thou shalt be satisfied with bread.

14 It is naught, it is naught, saith the buyer: but when he is gone his way, then he boasteth.

15 There is gold, and a multitude of rubies: but the lips of knowledge are a precious jewel.

16 Take his garment that is surety for a stranger: and take a pledge of him for a strange woman.

17 Bread of deceit is sweet to a man; but afterwards his mouth shall be filled with gravel.

18 Every purpose is established by counsel: and with good advice make war.

19 He that goeth about as a talebearer revealeth secrets: therefore meddle not with him that flattereth with his lips.

20 Whoso curseth his father or his mother, his lamp shall be put out in obscure darkness.

21 An inheritance may be gotten hastily at the beginning; but the end thereof shall not be blessed.

22 Say not thou, I will recompense evil; but wait on the Lord, and he shall save thee.

23 Divers weights are an abomination unto the Lord; and a false balance is not good.

24 Man's goings are of the Lord; how can a man then understand his own way?

25 It is a snare to the man who devoureth that which is holy, and after vows to make enquiry.

26 A wise king scattereth the wicked, and bringeth the wheel over them.

27 The spirit of man is the candle of the Lord, searching all the inward parts of the belly.

28 Mercy and truth preserve the king: and his throne is upholden by mercy.

29 The glory of young men is their strength: and the beauty of old men is the grey head.

30 The blueness of a wound cleanseth away evil: so do stripes the inward parts of the belly.

Nova Versão Internacional

Provérbios 20

1O vinho é zombador
    e a bebida fermentada provoca brigas;
não é sábio deixar-se dominar por eles.

O medo que o rei provoca
    é como o do rugido de um leão;
quem o irrita põe em risco a própria vida.

É uma honra dar fim a contendas,
mas todos os insensatos envolvem-se nelas.

O preguiçoso não ara a terra
    na estação própria[a];
mas na época da colheita procura,
    e não acha nada.

Os propósitos do coração do homem
    são águas profundas,
mas quem tem discernimento
    os traz à tona.

Muitos se dizem amigos leais,
mas um homem fiel,
    quem poderá achar?

O homem justo leva uma vida íntegra;
como são felizes os seus filhos!

Quando o rei se assenta no trono
    para julgar,
com o olhar esmiúça todo o mal.

Quem poderá dizer:
    “Purifiquei o coração;
    estou livre do meu pecado”?

10 Pesos adulterados
    e medidas falsificadas
são coisas que o Senhor detesta.

11 Até a criança mostra o que é
    por suas ações;
o seu procedimento
    revelará se ela é pura e justa.

12 Os ouvidos que ouvem
    e os olhos que vêem
foram feitos pelo Senhor.

13 Não ame o sono,
    senão você acabará ficando pobre;
fique desperto, e terá alimento de sobra.

14 “Não vale isso! Não vale isso!”,
    diz o comprador,
mas, quando se vai,
    gaba-se do bom negócio.

15 Mesmo onde há ouro e rubis
    em grande quantidade,
os lábios que transmitem conhecimento
    são uma rara preciosidade.

16 Tome-se a veste
    de quem serve de fiador ao estranho;
sirva ela de penhor
    de quem dá garantia a uma mulher leviana[b].

17 Saborosa é a comida
    que se obtém com mentiras,
mas depois dá areia na boca.

18 Os conselhos são importantes
    para quem quiser fazer planos,
e quem sai à guerra
    precisa de orientação.

19 Quem vive contando casos
    não guarda segredo;
por isso, evite quem fala demais.

20 Se alguém amaldiçoar seu pai ou sua mãe,
a luz de sua vida se extinguirá
    na mais profunda escuridão.

21 A herança que se obtém
    com ganância no princípio,[c]
no final não será abençoada.

22 Não diga:
    “Eu o farei pagar pelo mal que me fez!”
Espere pelo Senhor,
    e ele dará a vitória a você.

23 O Senhor detesta pesos adulterados,
e balanças falsificadas não o agradam.

24 Os passos do homem
    são dirigidos pelo Senhor.
Como poderia alguém
    discernir o seu próprio caminho?

25 É uma armadilha consagrar algo
    precipitadamente,
e só pensar nas conseqüências
    depois que se fez o voto.

26 O rei sábio abana os ímpios,
e passa sobre eles a roda de debulhar.

27 O espírito do homem
    é a lâmpada do Senhor,
e vasculha cada parte do seu ser.

28 A bondade e a fidelidade
    preservam o rei;
por sua bondade
    ele dá firmeza ao seu trono.

29 A beleza dos jovens está na sua força;
a glória dos idosos,
    nos seus cabelos brancos.

30 Os golpes e os ferimentos
    eliminam o mal;
os açoites limpam as profundezas do ser.

Notas al pie

  1. 20.4 Hebraico: por causa do frio.
  2. 20.16 Ou a um desconhecido
  3. 20.21 Ou A herança que se obtém às pressas no início,