Chinese Contemporary Bible (Traditional)

但以理書 7

但以理夢見四獸

1巴比倫王伯沙撒元年,但以理在床上做了一個夢,腦中出現了異象,便把夢記錄下來,講述其中的大意。 但以理說:「我在夜間的異象中看見天風四面吹來,攪動大海。 接著,四隻巨獸從海中上來,各有不同的形狀。 第一隻獸像獅子,但有鷹的翅膀。我觀看時,見牠的翅膀被拔掉。牠被扶起來,像人一樣雙腳站在地上,並被賦予人的頭腦。 第二隻獸像熊,用兩隻後腿站立,牙齒間叼著三根肋骨,有聲音對牠說,『起來,多吞吃肉吧!』

「此後,我繼續觀看,見還有一隻獸像豹,背上有四個如鳥翼般的翅膀。這獸有四個頭,並被賦予權柄。 此後,我在夜間的異象中看見第四隻獸,恐怖可怕,極其強壯,用大鐵牙吞吃、咬碎獵物,用腳踐踏所剩的。這獸與前三隻獸不同,牠有十個角。 我觀看這些角時,見其中長出一個小角,先前的角中有三個被連根拔出,讓它取而代之。這小角有人的眼睛和說狂言的口。

「我看見寶座已設立,
上面坐著亙古長存者,
祂的衣服潔白如雪,
頭髮如純淨的羊毛。
祂的寶座是火焰,
寶座的輪子是烈火。
10 從祂面前流出火河,
事奉祂的有千千,
侍立在祂面前的有萬萬。
祂坐下要審判,
案卷已經展開。

11 「我繼續觀看,見那獸被殺,身體被毀並被扔進火中,因為牠的小角口出狂言。 12 至於其餘的獸,牠們的權柄都被奪去,但獲准再存活一段時間。

13 「我在夜間的異象中看見一位像人子的,駕著天雲而來,到亙古長存者那裡,被引到祂面前。 14 他得到權柄、榮耀和國度,各族、各邦、各語種的人都要事奉他。他的統治直到永遠、沒有窮盡,他的國度永不滅亡。

解釋異象

15 「我但以理心中不安,腦中出現的異象令我恐懼, 16 便走近一位侍立一旁的,問他這些事的意思。他就向我解釋這些事的意思,說, 17 『這四隻巨獸是指四個將要在世上興起的國。 18 但至高者的聖民必承受國度,並永永遠遠擁有國度。』

19 「那時,我想知道關於第四獸的事,牠與其餘三獸不同,極其可怕,有鐵牙銅爪,吞吃、咬碎獵物,用腳踐踏所剩的。 20 我也想知道有關牠頭上的十角及後來長出的小角的事。這小角取代了三角,它有眼和說狂言的口,比其他的角更強大。 21 我看見這小角與聖民爭戰,並佔了上風。 22 後來亙古長存的至高者來為祂的聖民伸冤。聖民擁有國度的時候到了。

23 「那位侍立一旁的說,『第四隻獸是指世上將興起的第四個國,與其他各國不同,牠將吞吃、踐踏、咬碎天下。 24 十角是指這國中將興起十個王,後來又興起一王,與先前的王不同,他將制伏三個王。 25 他必褻瀆至高者,迫害至高者的聖民,試圖改變節期和律法。聖民將被交在他手中三年半。 26 然而,審判者將坐下來審判,奪去並永遠廢除他的權柄。 27 那時,國度、權柄和天下萬國的尊榮必賜給至高者的聖民。祂的國度直到永遠,一切掌權者都要事奉祂,順服祂。』

28 「這就是我的夢。我但以理心中十分害怕,臉色蒼白,但我沒有把這事告訴別人。」

O Livro

Daniel 7

O sonho dos quatro animais

1Uma noite, durante o primeiro ano do reinado de Belsazar, Daniel teve um sonho, e relatou-o por escrito. Foi assim: No meu sonho estava a assistir a uma tremenda tempestade num grande oceano, com fortes ventos soprando em todas as direcções. Então quatro enormes animais saíram do mar, todos eles diferentes. O primeiro era semelhante a um leão, mas tinha asas de águia, que no entanto encontravam-se arrancadas, por isso não podia mais voar; estava de pé, sobre duas patas, como um ser humano; foi-lhe mesmo dada uma mente humana. O segundo parecia-se com um urso, levantado sobre as suas traseiras. Vi-lhe três costelas entre os dentes, e ouvi uma voz que lhe dizia: “Levanta-te! Devora muita gente!” O terceiro destes estranhos animais parecia-se com um leopardo, mas no seu dorso tinha asas como os pássaros, e quatro cabeças! Foi-lhe dado grande poder sobre o género humano.

Depois, enquanto continuava a olhar, no meu sonho, um quarto animal se levantou das águas, terrível e espantoso. Devorava as vítimas, fazendo-as primeiro em pedaços, com grandes dentes de ferro, e pisando-as sob as patas. Era de longe muito mais brutal e feroz que os anteriores. Tinha dez chifres.

Atentando nesses chifres, reparei que nascia de entre eles um outro mais pequeno, e que na sequência disso três outros foram arrancados, com a raiz e tudo para lhe deixar espaço; essa ponta mais pequena tinha olhos humanos, e tinha também uma boca, com a qual falava com grande arrogância.

9/10 A certa altura, foram colocados uns tronos e um ancião de idade avançada sentou-se para julgar. A roupa que trazia vestida era da maior alvura; o seu cabelo era branquíssimo. Estava sentado num trono feito de chamas, o qual se deslocava sobre rodas de fogo; um rio de fogo jorrava dele. Tinha milhões de anjos ao seu serviço; centenas de milhões de pessoas esperavam diante dele para serem julgados. Então o tribunal começou a sua sessão e foram abertos os livros.

11 Continuando eu a olhar, o quarto animal brutal foi morto e o seu corpo ligado para ser queimado, por causa da sua altivez para com o Deus poderoso e por causa da soberba do seu chifre mais pequeno. 12 Quanto aos outros três animais, foi-lhes tirado o seu domínio; todavia prolongou-se-lhes a vida ainda durante um certo espaço de tempo.

13 Seguidamente assisti ao aparecimento de um filho de homem — ao que me pareceu — trazido até ali sobre nuvens desde o céu; aproximou-se do ancião e foi-lhe apresentado. 14 Deram-lhe poder para governar e para que fosse honrado em todas as nações do mundo, de forma que todos os povos da Terra lhe devem obedecer. O seu poder é eterno — nunca mais terá fim; o seu governo nunca será destruído.

15/16 Eu estava confuso e perturbado com tudo o que tinha visto, por isso me aproximei de um dos que estavam junto do trono para lhe perguntar o sentido de todas estas coisas; e explicou-me:

A interpretação do sonho

17/18 “Estes quatro animais representam quatro reis que um dia hão-de governar a terra. Mas por fim o povo do altíssimo Deus terá autoridade sobre os governos do mundo, para sempre.”

19/20 Depois perguntei acerca do quarto animal, terrível e espantoso, com os seus dentes de ferro e cascos de cobre, que despedaçava as vítimas e as devorava com os dentes. Pretendi igualmente saber quanto aos dez chifres, e ao que era mais pequeno, que apareceu depois e provocou o desaparecimento de três outros, o qual tinha olhos, mais uma boca com que dizia coisas cheias de arrogância e que era mais forte do que os outros. 21/22 Pois que eu tinha visto este chifre fazendo guerra contra o povo de Deus e vencendo-o, até à altura em que o ancião de idade avançada veio, abriu o tribunal e reabilitou o seu povo, dando-lhe poderes de governo sobre o mundo.

23/25 “Este quarto animal”, disse-me, “representa o quarto poder mundial que governará a terra. Será mais brutal que qualquer dos outros; devorará todo o mundo, destruindo tudo diante de si. Os seus dez chifres são dez reis que aparecerão, saídos do seu império; depois, outro rei aparecerá, ainda mais violento do que os dez outros, destruindo três deles. Desafiará o Deus altíssimo, e consumirá os santos com perseguições, tentando alterar todas as leis, a moral e os costumes. O povo de Deus estará nas suas mãos por três anos e meio.

26/27 Mas abrir-se-á o tribunal de justiça e retirará todo o poder a este rei corrompido, destruindo-o totalmente. Nessa altura todas as nações debaixo dos céus e todo o poder será entregue ao povo de Deus, que governará tudo para sempre. Todos os governantes estarão sujeitos aos santos.”

28 Assim acabou a visão. Fiquei grandemente perturbado, com o rosto pálido de espanto, mas não disse a ninguém o que via.