Chinese Contemporary Bible (Traditional)

以賽亞書 29

耶路撒冷被圍

1耶和華說:「亞利伊勒[a],亞利伊勒,
大衛安營的城啊!
你有禍了!
儘管你年復一年地守節期,
我還是要叫你受苦。
你必悲傷哀號,
在我面前成為一座祭壇。
我必把你團團圍住,
屯兵圍困你,
修築高臺攻打你。
你必一敗塗地,
躺在塵土中說話,
你細微的聲音從土中傳來,
好像地下幽靈的聲音。
你耳語般的低聲從土中傳來。
但你的眾仇敵必像纖細的塵埃一樣消散,
眾多的殘暴之徒必如被風颳去的糠秕。
突然,刹那之間,
萬軍之耶和華必帶著雷轟、地震、巨響、旋風、暴風和烈火來臨。
攻打、圍困耶路撒冷及其堡壘的各國軍隊必如夢幻,
如夜間的異象一樣消失。
他們好像饑餓的人夢中吃飯,
醒來仍然饑餓;
像口渴的人夢中喝水,
醒來仍然渴得發昏。
攻打錫安山的各國軍隊結局都必如此。」
你們駐足驚奇吧!
你們自我蒙蔽,繼續瞎眼吧!
你們醉了,但不是因為酒;
你們東倒西歪,但不是因為烈酒。
10 因為耶和華把沉睡的靈傾倒在你們身上,
祂封住你們的眼睛,
蓋住你們的頭。
你們的眼睛就是先知,
你們的頭就是先見。

11 對你們而言,所有的啟示都好像封了印的書卷。你們把書卷交給識字的人讀,他會說:「我不能讀,這書卷是封著的。」 12 你們把書卷交給不識字的人讀,他會說:「我不識字。」

13 主說:「這些人嘴上親近我,
尊崇我,心卻遠離我。
他們敬拜我不過是遵行人定的規條。
14 所以,我要再次行奇妙無比的事,使他們震驚。
他們智者的智慧必泯滅,
明哲的聰明必消失。」
15 那些向耶和華深藏計謀的人有禍了!
他們暗中行事,
自以為無人看見也無人知道。
16 他們太愚蠢了!
窯匠怎能跟泥土相提並論?
被造的怎能對造它的說:
「你沒有造我」?
陶器怎能對陶匠說:
「你什麼也不懂」?

17 再過不久,黎巴嫩將變成沃野,
沃野上莊稼茂密如林。
18 那時,聾子必聽見那書卷上的話,
黑暗中的瞎子必能看見。
19 卑微的人必因耶和華而歡喜,
貧窮的人必因以色列的聖者而快樂。
20 殘暴之徒必消失,
嘲諷者必絕跡,
所有心懷不軌者必被剷除。
21 他們誣陷人,
暗算審判官,
冤枉無辜。
22 因此,關於雅各家,
救贖亞伯拉罕的耶和華說:
「雅各的子孫必不再羞愧,
臉上再無懼色。
23 因為他們看見我賜給他們的子孫時,
必尊我的名為聖,
必尊雅各的聖者為聖,
必敬畏以色列的上帝。
24 心裡迷惘的必明白真理,
發怨言的必欣然受教。」

Notas al pie

  1. 29·1 亞利伊勒」在此處用來指錫安/耶路撒冷,2節、7節同。

Nova Versão Internacional

Isaías 29

Ai da Cidade de Davi!

1Ai de Ariel! Ariel, a cidade onde
    acampou Davi.
Acrescentem um ano a outro
    e deixem seguir o seu ciclo de festas.
Mas eu sitiarei Ariel,
    que vai chorar e lamentar-se,
e para mim será como
    uma fornalha de altar[a].
Acamparei ao seu redor;
eu a cercarei de torres
e instalarei contra você
    minhas obras de cerco.
Lançada ao chão, de lá você falará;
do pó virão em murmúrio
    as suas palavras.
Fantasmagórica, subirá sua voz da terra;
um sussurro vindo do pó será sua voz.

Mas os seus muitos inimigos
    se tornarão como o pó fino,
as hordas cruéis,
    como palha levada pelo vento.
Repentinamente, num instante,
o Senhor dos Exércitos virá
    com trovões e terremoto
    e estrondoso ruído,
com tempestade e furacão
    e chamas de um fogo devorador.
Então as hordas de todas as nações
    que lutam contra Ariel,
que investem contra ele e contra
    a sua fortaleza e a sitiam,
serão como acontece num sonho,
    numa visão noturna,
como quando um homem faminto
    sonha que está comendo,
mas acorda e sua fome continua;
como quando um homem sedento
    sonha que está bebendo,
mas acorda enfraquecido,
    sem ter saciado a sede.
Assim será com as hordas
    de todas as nações
    que lutam contra o monte Sião.

Pasmem e fiquem atônitos!
Ceguem-se a si mesmos
    e continuem cegos!
Estão bêbados, porém, não de vinho,
cambaleiam, mas não pela
    bebida fermentada.
10 O Senhor trouxe sobre vocês
    um sono profundo:
fechou os olhos de vocês, que são os profetas;
    cobriu a cabeça de vocês, que são os videntes.

11 Para vocês toda esta visão não passa de palavras seladas num livro[b]. E se vocês derem o livro a alguém que saiba ler e lhe disserem: “Leia, por favor”, ele responderá: “Não posso; está lacrado”. 12 Ou, se vocês derem o livro a alguém que não saiba ler e lhe disserem: “Leia, por favor”, ele responderá: “Não sei ler”.

13 O Senhor diz:

“Esse povo se aproxima de mim
    com a boca
e me honra com os lábios,
    mas o seu coração está longe de mim.
A adoração que me prestam
    é feita só de regras
    ensinadas por homens.[c]
14 Por isso uma vez mais
    deixarei atônito esse povo
com maravilha e mais maravilha;
a sabedoria dos sábios perecerá,
a inteligência dos inteligentes
    se desvanecerá”.
15 Ai daqueles que descem às profundezas
    para esconder seus planos do Senhor,
que agem nas trevas e pensam:
    “Quem é que nos vê?
    Quem ficará sabendo?”
16 Vocês viram as coisas pelo avesso!
Como se fosse possível imaginar
    que o oleiro é igual ao barro!
Acaso o objeto formado
    pode dizer àquele que o formou:
    “Ele não me fez”?
    E o vaso poderá dizer do oleiro:
    “Ele nada sabe”?

17 Acaso o Líbano não será logo
    transformado em campo fértil,
e não se pensará que o campo fértil
    é uma floresta?
18 Naquele dia os surdos ouvirão
    as palavras do livro,
e, não mais em trevas e escuridão,
    os olhos dos cegos tornarão a ver.
19 Mais uma vez os humildes
    se alegrarão no Senhor,
e os necessitados exultarão
    no Santo de Israel.
20 Será o fim do cruel,
    o zombador desaparecerá
e todos os de olhos
    inclinados para o mal
    serão eliminados,
21 os quais com uma palavra
    tornam réu o inocente,
no tribunal trapaceiam contra o defensor
e com testemunho falso impedem
    que se faça justiça ao inocente.

22 Por isso o Senhor, que redimiu Abraão, diz à descendência de Jacó:

“Jacó não será mais humilhado;
e o seu rosto não tornará a empalidecer.
23 Quando ele vir em seu meio
    os seus filhos,
a obra de minhas mãos,
proclamará o meu santo nome;
reconhecerá a santidade
    do Santo de Jacó,
24 e no temor do Deus de Israel
    permanecerá.
Os desorientados de espírito
    obterão entendimento;
e os queixosos vão aceitar instrução”.

Notas al pie

  1. 29.2 A palavra que designa fornalha de altar assemelha-se à palavra Ariel no hebraico.
  2. 29.11 Hebraico: rolo; também nos versículos 12 e 18.
  3. 29.13 A Septuaginta diz Em vão me adoram; seus ensinamentos não passam de regras ensinadas por homens.