Chinese Contemporary Bible (Simplified)

士师记 14:1-20

参孙娶非利士女子为妻

1参孙下到亭拿,在那里看中了一个非利士女子。 2他回到家里便对父母说:“我在亭拿看中一个非利士女子,把她给我娶来做妻子吧!” 3他父母说:“难道我们的亲族和同胞中,没有一个令你满意的女子吗?你为什么要娶未受割礼的非利士人的女子呢?”参孙却说:“我很喜欢她,请给我把她娶过来吧!”

4他的父母不知道这事是出于耶和华的旨意,祂要找机会对付非利士人。那时,非利士人统治着以色列

5参孙跟父母一起去亭拿,走到亭拿的葡萄园时,有一头壮狮吼叫着扑向他。 6耶和华的灵降在参孙身上,他虽然手无寸铁,竟撕裂了那头狮子,就像撕裂一只山羊羔一样。他没有把这事告诉父母。 7到了亭拿参孙跟那女子交谈,很喜欢她。 8过了些日子,参孙下去迎娶她,途中他顺便去看那只死狮子,见死狮子体内有一群蜜蜂和一些蜂蜜, 9就用手取了一些蜜,边走边吃。到了父母那里,他给了他们一些,他们也吃了。但他没有告诉父母蜂蜜是从死狮子体内取的。

10参孙的父亲去那女子家,参孙按习俗摆设宴席。 11众人看见参孙,就安排了三十个人陪他。 12参孙对他们说:“我出一个谜语,如果你们可以在这七天的婚宴期间猜出来,我就送你们三十件细麻衣和三十件外袍。 13如果猜不中,你们就要给我三十件细麻衣和三十件外袍。”他们说:“请你出谜语吧!” 14参孙说:

“食物出自食者,

甜物出自强者。”

三天过后,他们仍然猜不出来。

15到了第四天,他们对参孙的妻子说:“你要哄你的丈夫把谜底说出来,不然我们就把你和你父亲一家全烧死。你们邀请我们来,难道是要叫我们倾家荡产吗?” 16于是,参孙的妻子向他哭诉说:“你是恨我,不是爱我。你给我的族人出了谜语,却没有告诉我谜底。”参孙回答说:“我连父母都没有告诉,又怎能告诉你呢?” 17在七天的婚宴期间,她一直在丈夫跟前哭哭啼啼。到了第七天,参孙经不住妻子的催逼就把谜底告诉了她。她把谜底告诉了她的族人。 18在第七天日落之前,城里的人对参孙说:

“有什么比蜂蜜更甜?

有什么比狮子更强?”

参孙说:

“你们若不是利用我的小母牛耕田,

肯定猜不出来。”

19耶和华的灵降在参孙身上,他便去亚实基伦杀了三十个人,掳走他们的衣服,交给猜中谜语的那些人,然后怒气冲冲地回父亲家去了。 20参孙的妻子后来归了他的伴郎。

Nova Versão Internacional

Juízes 14:1-20

O Casamento de Sansão

1Sansão desceu a Timna e viu ali uma mulher do povo filisteu. 2Quando voltou para casa, disse a seu pai e a sua mãe: “Vi uma mulher filisteia em Timna; consigam essa mulher para ser minha esposa”.

3Seu pai e sua mãe lhe perguntaram: “Será que não há mulher entre os seus parentes ou entre todo o seu povo? Você tem que ir aos filisteus incircuncisos para conseguir esposa?”

Sansão, porém, disse ao pai: “Consiga-a para mim. É ela que me agrada”. 4Seus pais não sabiam que isso vinha do Senhor, que buscava ocasião contra os filisteus; pois naquela época eles dominavam Israel. 5Sansão foi para Timna com seu pai e sua mãe. Quando se aproximavam das vinhas de Timna, de repente um leão forte veio rugindo na direção dele. 6O Espírito do Senhor apossou-se de Sansão, e ele, sem nada nas mãos, rasgou o leão como se fosse um cabrito. Mas não contou nem ao pai nem à mãe o que fizera. 7Então foi conversar com a mulher de quem gostava.

8Algum tempo depois, quando voltou para casar-se com ela, Sansão saiu do caminho para olhar o cadáver do leão, e nele havia um enxame de abelhas e mel. 9Tirou o mel com as mãos e o foi comendo pelo caminho. Quando voltou aos seus pais, repartiu com eles o mel, e eles também comeram. Mas não lhes contou que tinha tirado o mel do cadáver do leão.

10Seu pai desceu à casa da mulher, e Sansão deu ali uma festa, como era costume dos noivos. 11Quando ele chegou, trouxeram-lhe trinta rapazes para o acompanharem na festa.

12“Vou propor um enigma para vocês”, disse-lhes Sansão. “Se vocês puderem dar-me a resposta certa durante os sete dias da festa, então eu darei a vocês trinta vestes de linho e trinta mudas de roupas. 13Se não conseguirem dar-me a resposta, vocês me darão trinta vestes de linho e trinta mudas de roupas.”

“Proponha-nos o seu enigma”, disseram. “Vamos ouvi-lo.”

14Disse ele então:

“Do que come saiu comida;

do que é forte saiu doçura”.

Durante três dias eles não conseguiram dar a resposta.

15No quarto14.15 Conforme alguns manuscritos da Septuaginta e a Versão Siríaca. O Texto Massorético diz sétimo. dia disseram à mulher de Sansão: “Convença o seu marido a explicar o enigma. Caso contrário, poremos fogo em você e na família de seu pai, e vocês morrerão. Você nos convidou para nos roubar?”

16Então a mulher de Sansão implorou-lhe aos prantos: “Você me odeia! Você não me ama! Você deu ao meu povo um enigma, mas não me contou a resposta!”

“Nem a meu pai nem à minha mãe expliquei o enigma”, respondeu ele. “Por que deveria explicá-lo a você?” 17Ela chorou durante o restante da semana da festa. Por fim, no sétimo dia, ele lhe contou, pois ela continuava a perturbá-lo. Ela, por sua vez, revelou o enigma ao seu povo.

18Antes do pôr do sol do sétimo dia, os homens da cidade vieram lhe dizer:

“O que é mais doce que o mel?

O que é mais forte que o leão?”

Sansão lhes disse:

“Se vocês não tivessem arado com a minha novilha,

não teriam solucionado o meu enigma”.

19Então o Espírito do Senhor apossou-se de Sansão. Ele desceu a Ascalom, matou trinta homens, pegou as suas roupas e as deu aos que tinham explicado o enigma. Depois, enfurecido, foi para a casa do seu pai. 20E a mulher de Sansão foi dada ao amigo que tinha sido o acompanhante dele no casamento.