Amplified Bible

Psalm 132

Prayer for the Lord’s Blessing Upon the Sanctuary.

A Song of [a]Ascents.

1O Lord, remember on David’s behalf
All his hardship and affliction;

How he swore to the Lord
And vowed to the Mighty One of Jacob:

“I absolutely will not enter my house,
Nor get into my bed—

I certainly will not permit my eyes to sleep
Nor my eyelids to slumber,

Until I find a place for the Lord,
A dwelling place for the Mighty One of Jacob (Israel).”


Behold, we heard of it at Ephrathah;
We found it in the field of Jaar.

Let us go into His tabernacle;
Let us worship at His footstool.

Arise, O Lord, to Your resting place,
You and the ark [the symbol] of Your strength.

Let Your priests be clothed with righteousness (right living),
And let Your godly ones shout for joy.

10 
For the sake of Your servant David,
Do not turn away the face of Your anointed.
11 
The Lord swore to David
A truth from which He will not turn back:
“One of your [b]descendants I will set upon your throne.
12 
“If your children will keep My covenant
And My testimony which I will teach them,
Their children also shall sit upon your throne forever.”

13 
For the Lord has chosen Zion;
He has desired it for His dwelling place:
14 
“This is My resting place forever” [says the Lord];
“Here will I dwell, for I have desired it.
15 
“I will abundantly bless her provisions;
I will satisfy her poor with bread.
16 
“Her priests also I will clothe with salvation,
And her godly ones will shout aloud for joy.
17 
“There I will make the horn (strength) of David grow;
I have prepared a lamp for My anointed [fulfilling the promises].
18 
“His enemies I will clothe with shame,
But upon himself shall his crown shine.”

Notas al pie

  1. Psalm 132:1 See Psalm 120 title note.
  2. Psalm 132:11 Lit the fruit of your body.

Nova Versão Internacional

Salmos 132

Salmo 132

Cântico de Peregrinação.

Senhor, lembra-te de Davi
e das dificuldades que enfrentou.
Ele jurou ao Senhor
e fez um voto ao Poderoso de Jacó:
“Não entrarei na minha tenda
e não me deitarei no meu leito;
não permitirei
    que os meus olhos peguem no sono
nem que as minhas pálpebras descansem,
enquanto não encontrar
    um lugar para o Senhor,
uma habitação para o Poderoso de Jacó”.

Soubemos que a arca estava em Efrata[a],
mas nós a encontramos nos campos de Jaar[b]:
“Vamos para a habitação do Senhor!
Vamos adorá-lo diante do estrado de seus pés!
Levanta-te, Senhor,
e vem para o teu lugar de descanso,
tu e a arca onde está o teu poder.
Vistam-se de retidão os teus sacerdotes;
cantem de alegria os teus fiéis”.
10 Por amor ao teu servo Davi,
não rejeites o teu ungido.

11 O Senhor fez um juramento a Davi,
um juramento firme que ele não revogará:
“Colocarei um dos seus descendentes
    no seu trono.
12 Se os seus filhos forem fiéis à minha aliança
e aos testemunhos que eu lhes ensino,
também os filhos deles
    o sucederão no trono para sempre”.

13 O Senhor escolheu Sião,
    com o desejo de fazê-la sua habitação:
14 “Este será o meu lugar de descanso
    para sempre;
aqui firmarei o meu trono,
    pois esse é o meu desejo.
15 Abençoarei este lugar com fartura;
os seus pobres suprirei de pão.
16 Vestirei de salvação os seus sacerdotes
e os seus fiéis a celebrarão com grande alegria.

17 “Ali farei renascer o poder[c] de Davi
e farei brilhar a luz[d] do meu ungido.
18 Vestirei de vergonha os seus inimigos,
mas nele brilhará a sua coroa”.

Notas al pie

  1. 132.6 Ou a respeito da arca em Efrata
  2. 132.6 Isto é, Quiriate-Jearim.
  3. 132.17 Hebraico: chifre.
  4. 132.17 Isto é, perpetuarei a dinastia.