Akuapem Twi Contemporary Bible

Nnwom 107:1-43

NHOMA A ƐTO SO ANUM

Nnwom 107–150

Dwom 107

1Monna Awurade ase na oye;

na nʼadɔe wɔ hɔ daa.

2Momma wɔn a Awurade agye wɔn nka saa,

wɔn a wagye wɔn afi ɔtamfo nsam no;

3wɔn a ɔboaboaa wɔn ano fii nsase so no,

efi apuei kosi atɔe, atifi kosi anafo.

4Ebinom kyinkyinii wɔ nsase pradada so,

a wɔanhu ɔkwan ankɔ kuropɔn no mu, faako a wobetumi anya atenae.

5Ɔkɔm ne osukɔm dee wɔn

na wɔtotɔɔ beraw.

6Afei wosu frɛɛ Awurade wɔ wɔn amanehunu mu,

na ogyee wɔn fii wɔn ahohiahia mu.

7Ɔde wɔn faa ɔkwan tee so

baa kuropɔn a wotumi tena mu no mu.

8Momma wɔnna Awurade ase, nʼadɔe a ɛnsa da

ne nʼanwonwade a ɔyɛ ma nnipa no ho,

9ɔma wɔn a osukɔm de wɔn nsu

na ɔde nnepa hyɛ wɔn a ɔkɔm de wɔn ma.

10Ebinom tenaa sum ne awerɛhow mu,

nneduafo a wɔde dade nkɔnsɔnkɔnsɔn agu wɔn,

11efisɛ wɔatew Onyankopɔn nsɛm ho atua

na wɔabu Ɔsorosoroni no agyinatu animtiaa.

12Enti ogyaa wɔn maa adwumaden;

wohintihintiwii, na wɔannya ɔboafo.

13Afei wosu frɛɛ Awurade wɔ wɔn amanehunu mu,

na ogyee wɔn fii wɔn ahohia mu.

14Oyii wɔn fii sum ne awerɛhow mu,

na obubuu wɔn nkɔnsɔnkɔnsɔn mu.

15Momma wɔnna Awurade ase, nʼadɔe a ɛnsa da

ne nʼanwonwade a ɔyɛ ma nnipa no ho,

16efisɛ obubu kɔbere mfrafra apon

na otwitwa nnadeban mu.

17Ebinom bɛyɛɛ nkwaseafo, wɔn atuatew nti,

na wohuu amane, wɔn nnebɔne nti.

18Wokyii aduan nyinaa

na wotwiw bɛnee owu pon ano.

19Afei wosu frɛɛ Awurade, wɔn amanehunu mu

na ogyee wɔn fii wɔn ahohia mu.

20Ɔsomaa nʼasɛm na ɔsaa wɔn yare;

na ogyee wɔn fii ɔda mu.

21Momma wɔnna Awurade ase, nʼadɔe a ɛnsa da

ne nʼanwonwade a ɔyɛ ma nnipa no ho.

22Momma wɔmmɔ aseda afɔre

na wɔmfa ahurusi nnwom nka ne nnwuma ho asɛm.

23Ebinom tenaa ahyɛn mu wɔ po so;

wɔyɛ aguadifo wɔ nsu akɛse so.

24Wohuu Awurade nnwuma,

nʼanwonwade a ɛwɔ bun mu.

25Ɔkasa maa ahum tui

na ekukuru asorɔkye.

26Wokukuru kɔɔ ɔsorosoro na wosian kɔɔ bun mu tɔnn;

wɔn amanehunu mu no wɔn koma tui.

27Wokyim totɔɔ ntintan sɛ asabowfo;

na wonhu nea wɔnnyɛ bio.

28Afei wosu frɛɛ Awurade, wɔn amanehunu mu,

na ogyee wɔn fii wɔn ahohia mu.

29Ɔmaa ahum no yɛɛ dinn;

po so asorɔkye ano brɛɛ ase.

30Wɔn ani gyei, bere a ɛyɛɛ dinn no,

na ɔkyerɛɛ wɔn ɔkwan de wɔn koduu gyinabea a wɔpɛ.

31Momma wɔnna Awurade ase, nʼadɔe a ɛnsa da

ne nʼanwonwade a ɔyɛ ma nnipa no ho.

32Wɔmma no so wɔ asafo no mu

na wɔnkamfo no wɔ mpanyimfo nhyiamu ase.

33Ɔdan nsubɔnten maa no yɛɛ sare,

asuten yɛɛ asase wosee,

34na asasebere dan nkyenenkyene,

wɔn a wɔte asase no so amumɔyɛ nti.

35Ɔdan sare so maa no yɛɛ nsuwansuwa

na nkyɛkyerɛ yɛɛ sɛ nsuten anan mu;

36Ɛhɔ na ɔde wɔn a ɔkɔm de wɔn kɔsoɛe,

na wɔkyekyeree kuropɔn tenaa mu.

37Wɔyɛɛ mfuw ne bobe nturo

na ɛmaa wɔn nnɔbae bebree.

38Ohyiraa wɔn na wɔn ase dɔe.

Wamma wɔn nyɛmmoa dodow so anhuan.

39Afei wɔn dodow so huanee

na nhyɛso, amanehunu ne awerɛhow brɛɛ wɔn ase;

40nea obu abirɛmpɔn animtiaa no

ma wokyinkyin asase kesee a ɔkwan nni hɔ so.

41Nanso ɔmaa ahiafo so fii wɔn ahohia mu

na ɔmaa wɔn mmusua dɔɔ sɛ nguankuw.

42Atreneefo hu ma wɔn ani gye,

nanso amumɔyɛfo nyinaa mua wɔn ano.

43Momma nea ɔyɛ onyansafo no mmu eyinom,

na onsusuw Awurade adɔe kɛse no ho.

Nova Versão Internacional

Salmos 107:1-43

QUINTO LIVRO

Salmo 107

1Deem graças ao Senhor porque ele é bom;

o seu amor dura para sempre.

2Assim o digam os que o Senhor resgatou,

os que livrou das mãos do adversário

3e reuniu de outras terras,

do oriente e do ocidente, do norte e do sul107.3 Hebraico: mar..

4Perambularam pelo deserto e por terras áridas

sem encontrar cidade habitada.

5Estavam famintos e sedentos;

sua vida ia se esvaindo.

6Na sua aflição, clamaram ao Senhor,

e ele os livrou da tribulação em que se encontravam

7e os conduziu por caminho seguro

a uma cidade habitada.

8Que eles deem graças ao Senhor

por seu amor leal

e por suas maravilhas em favor dos homens,

9porque ele sacia o sedento

e satisfaz plenamente o faminto.

10Assentaram-se nas trevas e na sombra mortal,

aflitos, acorrentados,

11pois se rebelaram contra as palavras de Deus

e desprezaram os desígnios do Altíssimo.

12Por isso ele os sujeitou a trabalhos pesados;

eles tropeçaram, e não houve quem os ajudasse.

13Na sua aflição, clamaram ao Senhor,

e ele os salvou da tribulação em que se encontravam.

14Ele os tirou das trevas e da sombra mortal

e quebrou as correntes que os prendiam.

15Que eles deem graças ao Senhor,

por seu amor leal

e por suas maravilhas em favor dos homens,

16porque despedaçou as portas de bronze

e rompeu as trancas de ferro.

17Tornaram-se tolos por causa dos seus caminhos rebeldes,

e sofreram por causa das suas maldades.

18Sentiram repugnância por toda comida

e chegaram perto das portas da morte.

19Na sua aflição, clamaram ao Senhor,

e ele os salvou da tribulação em que se encontravam.

20Ele enviou a sua palavra e os curou,

e os livrou da morte.

21Que eles deem graças ao Senhor,

por seu amor leal

e por suas maravilhas em favor dos homens.

22Que eles ofereçam sacrifícios de ação de graças

e anunciem as suas obras com cânticos de alegria.

23Fizeram-se ao mar em navios,

para negócios na imensidão das águas,

24e viram as obras do Senhor,

as suas maravilhas nas profundezas.

25Deus falou e provocou um vendaval

que levantava as ondas.

26Subiam aos céus e desciam aos abismos;

diante de tal perigo, perderam a coragem.

27Cambaleavam, tontos como bêbados,

e toda a sua habilidade foi inútil.

28Na sua aflição, clamaram ao Senhor,

e ele os tirou da tribulação em que se encontravam.

29Reduziu a tempestade a uma brisa

e serenou as ondas.

30As ondas sossegaram, eles se alegraram,

e Deus os guiou ao porto almejado.

31Que eles deem graças ao Senhor

por seu amor leal

e por suas maravilhas em favor dos homens.

32Que o exaltem na assembleia do povo

e o louvem na reunião dos líderes.

33Ele transforma os rios em deserto

e as fontes em terra seca,

34faz da terra fértil um solo estéril,

por causa da maldade dos seus moradores.

35Transforma o deserto em açudes

e a terra ressecada em fontes.

36Ali ele assenta os famintos,

para fundarem uma cidade habitável,

37semearem lavouras, plantarem vinhas

e colherem uma grande safra.

38Ele os abençoa, e eles se multiplicam;

e não deixa que os seus rebanhos diminuam.

39Quando, porém, reduzidos,

são humilhados com opressão, desgraça e tristeza.

40Deus derrama desprezo sobre os nobres

e os faz vagar num deserto sem caminhos.

41Mas tira os pobres da miséria

e aumenta as suas famílias como rebanhos.

42Os justos veem tudo isso e se alegram,

mas todos os perversos se calam.

43Reflitam nisso os sábios

e considerem a bondade do Senhor.